A regra de um condomínio do Espírito Santo em punir quem atrasasse a taxa mensal de R$ 3 mil com a proibição de usar o elevador foi declarada ilegal pela 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça. O colegiado determinou o pagamento de compensação por danos morais a uma moradora, no valor de R$ 10 mil. Para a relatora Nancy Andrighi, a forma de punição “resulta no malferimento da dignidade da pessoa humana”.

viaConJur – Proibir condômino inadimplente de usar elevador fere a dignidade humana.

viaConJur – Proibir condômino inadimplente de usar elevador fere a dignidade humana.

CategoryBlog, Condominial

2 Trackbacks

  1. […] Participe, envie suas dúvidas e/ou sugestões. […]

  2. […] Participe, envie suas dúvidas e/ou sugestões. […]

Deixe uma resposta:

*

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Iniciar atendimento
1
Olá. Dúvida via Site ABP > Clique em enviar e aguarde alguns instantes. Você receberá o menu para que informe o atendimento desejado.